Conheça os principais tipos de transporte de cargas

09/ 08/ 2019

De acordo com a pesquisa Custos Logísticos no Brasil, da Fundação Dom Cabral, 75% das mercadorias no país têm seu escoamento feito pela malha rodoviária.

Consequentemente, o transporte rodoviário é importante para a economia brasileira, pois transporta diariamente inúmeras cargas pelas estradas e rodovias do país. Este serviço de transporte é significativo para a logística das indústrias e empresas, que buscam sempre novos meios de conhecimento para elaborar a melhor estratégia de locomobilidade. 

Elencamos abaixo os principais tipos de cargas mais recorrentes nas estradas do país para sabermos um pouco melhor o que é transportado.

Tipos de transporte de cargas

Cargas secas

São produtos industrializados e não perecíveis. A transportação pode ser feita em qualquer estação ou clima. Alguns exemplos são:

– Encanamentos

-Madeira

-Ferragens

-Produtos alimentícios

-Materiais para construção

-Entre outros

Para este tipo de carga, normalmente, é utilizada a carroceria baú, já que ela é adequada para transportar caixas, sacas, fardos, embalagens e outros.

Cargas frigoríficas 

As cargas frigoríficas são subdivididas em duas categorias: a perecível e a congelada.

Perecível

Este tipo de carga está exposta ao risco de danificar pois passa por um processo de redução da temperatura e por causa da distância. Pensando nisso, é um produto sensível que deve ter uma logística de transporte bem programada, visando assegurar a qualidade e evitando riscos à saúde. 

-Verduras

-Legumes

-Frutas

Para levar estes produtos o indicado é a carroceria baú refrigerado.

Congelada

Carregar produtos congelados precisa ter muito cuidado, porque é necessário estar atento a temperatura para garantir a sua durabilidade e congelamento durante o caminho, e também assegurar o congelamento até o destino final. Geralmente são produtos como:

-Carnes

-Frangos

-Peixes

-Alimentos congelados em geral

O modelo ideal para este tipo de carga é o baú frigorífico que contém refrigeração de -15°C a -20°C graus. 

Cargas a granel 

Assim como a carga frigorífica, a carga a granel também é dividida em duas categorias. A primeira é a sólida.

Granel sólido

Em sua grande maioria é composta por matéria-primas. Algumas delas são:

-Feijão

-Soja

-Cereais

Truck e a Carreta (cavalo simples ou LS), Bitrem e Rodotrem são tipos de caminhões utilizados para transportar essa carga. O modelo pode ser aberto, graneleiro ou grande alta. Outra possibilidade é o uso de containers, porém no modelo  fechado.

Granel líquido

Já este produto, como o próprio nome sugere, é líquido, e corresponde a:

-Sucos

-Águas

-Refrigerante

-Entre outros produtos líquidos

Essa mercadoria deve ser manuseada em caminhões específicos porque há necessidade de uma carroceria com um tanque higienizado e de aço. 

Cargas perigosas

São denominadas cargas perigosas aquelas que representam riscos à saúde das pessoas, ao meio ambiente ou à segurança pública. Para atuar com esse tipo de transporte é necessário ter caminhões preparados para o produto específico. Além disso, o veículo deve apresentar símbolos que sinalizem a classificação do risco. Olha os produtos que entram nessa categoria:

-Gás natural

-Petróleo

-Explosivos

-Sólidos inflamáveis

-Materiais corrosivos

Cargas vivas

Outra carga encontrada com facilidade nas rodovias brasileiras são as cargas vivas. Geralmente são animais, como galinhas, porcos, vacas, cavalos e entre outros.

 Por se tratar de uma carga bem específica requer muita atenção do motorista já que está a carregar animais vivos . 

Para este translado o indicado é o uso de carrocerias fechadas como a boiadeira, este tipo de transporte possui algumas entradas de ar, assim garante que o animal tenha uma boa ventilação.

Cargas frágeis

As cargas frágeis são aquelas consideráveis sensíveis, delicadas e com facilidade de quebrar. São elas:

-Vidros

-Cristais

-Louças

-Espelho

Os objetos para serem transportados precisam ser embrulhados para que os proteja, e, preferencialmente, colocados em caixas. Também é importante etiquetar com sinalizadores nas caixas que indiquem conteúdo frágil. 

Cargas indivisíveis e excepcionais de grande porte

Aqui são carregamentos de grande porte, assim como o próprio nome diz.  São peças que possuem estrutura maiores do que o exigido pelo código de trânsito brasileiro. Ou seja: 

-Vagões

-Transformadores

-Guindastes

-Máquinas de uso industrial e agrícolas

O manuseio da carga é delicado principalmente no carregamento e descarregamento. Por isso a necessidade de veículos especiais na estrutura, dimensão, suspensão e direção para cada tipo de produto.  

Precisa fazer uma entrega? Então confia em quem faz isso há 88 anos com eficiência. Confira todas os perfis de cargas que a Picorelli transporta e faça uma cotação online

Leia Também




2020 Picorelli Transportes. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a autorização escrita da Picorelli Transportes.

Desenvolvido por